Sexta-feira, 2 de Maio de 2008
Pequenina
                
 
És pequenina e ris… A boca breve
É um pequeno idílio cor-de-rosa…
Hasta de lírio frágil e mimosa!
Cofre de beijos feito sonho e neve!
 
Doca quimera que a nossa alma deve
Ao céu que assim te fez tão graciosa!
Que nesta vida amarga e tormentosa
Te fez nascer com um perfume leve!
 
Ao ver o teu olhar faz bem à gente…
E cheira e sabe, a nossa boca, a flores
Quando o teu nome diz, suavemente…
 
Pequenina que Mãe de Deus sonhou,
Que ela afaste de ti aquelas dores
Que fizeram de mim isto que sou!

tags:

publicado por Andreia às 10:50
link do post | comentar | favorito

.mais sobre mim
.Dezembro 2008
Dom
Seg
Ter
Qua
Qui
Sex
Sab

1
2
3
4
5
6

7
8
9
10
11
12
13

14
15
16
17
18
19
20

21
22
23
24
25
26
27

28
29
30
31


.posts recentes

. O valor...

. Protestação

. Voltei...

. Músicas

. Felicidade...

. Flor...

. Música para sonhar

. Mar...

. A mon...

. Eu

.arquivos

. Dezembro 2008

. Novembro 2008

. Julho 2008

. Junho 2008

. Maio 2008

. Abril 2008

. Fevereiro 2008

.tags

. todas as tags

.links
.pesquisar
 
blogs SAPO
.subscrever feeds